domingo, 7 de abril de 2013

       


    De volta às origens...

Tudo estava com antes:
roupas guardadas, cama arrumada
mas havia um vazio..
Um arrepio percorreu meu corpo, 
porém não tive medo...
Uma paz tomou conta de mim...
Precisava retornar ali.
Não estamos sós neste mundo,
estamos todos conectados...
Era como se a minha presença 
fosse necessária, esperada...
Uma paz muito grande tomou conta de mim.
A emoção tomou conta de meu ser.
Cada canto, a cada espaço
Fazia-se presença...
          Zelia Cunha

18 comentários:

  1. Lindo demais,Zélia!

    Uma pérola de poema!

    És uma poeta e das melhores,amiga.


    Beijos e lindo domingo.

    Donetzka

    ResponderExcluir
  2. Lindo, é exatamente isso quando voltamos as origens, sente-se todos os sentimentos ao mesmo tempo, e no final uma sensação de dever cumprido ...


    Boa semana querida,
    Abçs e carinhos
    R e M

    ResponderExcluir
  3. Lindo, Zélia

    A gente sempre sabe que cada tempo vivido está alí.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga Zelia
    Há sempre uma troca, quando voltamos as origens, ao passado bom, nos remete sempre a ternura e a paz
    Belas linhas amiga

    Abraços,
    Trocyn Bão - Thiago

    ResponderExcluir
  5. Olá Zélia, venho aqui te convidar para uma tag, onde você será nosso entrevistado se aceitar nossa proposta.

    Deixo aqui o link para que você conheça a tag (

    http://www.riosul2012.com/2013/04/entrevistados-do-trocyn-bao.html ).

    Espero sua visita.

     

    Abraços, linda tarde.

    Thiago

    ResponderExcluir
  6. A nossa história sempre estará arraigada ao nosso caminho.Retroceder é buscar os encantos de outrora,
    felicidades, sempre Bjs Eloah

    ResponderExcluir

  7. Desejar sempre o melhor para os amigos
    é uma alegria, e agradecer o carinho de sempre
    é uma vitória, por isso te visito hoje desejando um
    final de semana cheio de muita paz,
    E parabenizo sempre pelo post agradável
    Deixo meus comprimentos eternos
    Bjuss
    Rita!!!!!

    ResponderExcluir

  8. Olá Zélia,

    Já senti esta sensação. É um tanto desconfortável a princípio, mas depois o coração se acalma e as lembranças
    retornam agradáveis.

    Ótimo final de semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Que lindo, cheguei até mesmo a sentir essa sensação lendo.
    Deve trazer um acalento muito bom, não só fisicamente como para a alma.
    Beijoos;*

    ResponderExcluir
  10. Amiga Zélia, passei para desejar a você uma ótima semana, de sucesso, paz e amor.

    Abraços
    Thiago
    Trocyn Bão

    ResponderExcluir
  11. Oi Zélia!

    Amo tantos as minhas origens que nem conseguiria ficar longe da mesma, mas tentei me ver longe, e a sensação de retorno é fascinante.

    Linda poesia!

    ResponderExcluir
  12. Olá amiga Zélia,
    Lindas tuas poesias, esta reflete bem o que não gostaríamos de enfrentar, mas é a vida.
    Lembremos o ontem, vivendo o hoje com alegria e esperança de boas realizações num amanhã feliz.

    Querida Zélia, já terminei a tela da Clarinha, vai lá no meu blog que a verá. Fiz o possível para retratá-la fielmente.
    Um grande e afetuoso abraço.

    ResponderExcluir
  13. Zélia, que lindo! Nossas origens permanecerão arraigadas no nosso coração independente do tempo e das ausências.Amei!
    Bjs no coração Eloah

    ResponderExcluir
  14. Querida amiga

    Cada palavra
    que inspira
    nossa vida,
    acorda novos
    sentidos
    em nossa caminhada.

    Viver é acima de tudo,
    a arte de abraçar os sonhos.

    ResponderExcluir
  15. Olá Zélia, não tem como ficarmos longe de nossas origens, elas são nosso painel de vida.
    Andei um pouco ausente da net, muitas coisas pra resolver e faltou tempo pra cuidar do blog, mas aqui de volta estou.

    Ótima semana!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Zélia
    Voltei para te desejar uma linda semana
    Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Oi Zelia!

    Nossa origem e lembrança esta sempre em nosso sentimento e em nosso coração.

    Texto bonito!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  18. Mãe saudades enormes de ti e da minha vózinha que está ao lado de Deus contando os "causo" dela...

    Amo a senhora!

    ResponderExcluir

Assim nasceu 2010!

Assim nasceu 2010!
A exuberancia da natureza se manifesta em toda a sua plenitude. Feliz 2010

A metamorfose

A metamorfose
Flagrante da vida que surgirá em 2010. Que cor terá? Só sei que virá para tornar minha vida mais feliz quando pousar em meu jardim. Embora sua passagem seja breve valeu a pena esperar por esse momento. Cada ser tem sua missão aqui neste planeta e a dela é de embelezar e alegrar nossas vidas.

Nós, minha filha e eu

Nós, minha filha e eu
É maravilhoso estar perto de quem se ama!

Os mais belos versos de amor que nenhum homem escreveu. Somente feitos por Deus.

Os mais belos versos de amor que nenhum homem escreveu. Somente feitos por Deus.
Está na beleza da flor a essência do que não se vê, mas apenas se sabe que existe, o inegável , o verdadeiro mistério da criaçãol.

Pra não dizer que não falei de pássaros...

Pra não dizer que não falei de pássaros...
No beiral de minha sacada um estranho fez seu ninho. Nos dias de frio ficamos nos observando: cada um na sua. Há espaço para todos, sempre cabe mais um. E ali ficamos respeitando nossos limites a nos observar mutuamente. Já me acostumei com sua presença. Seja bem-vindo, a casa é sua...

Último luar de 2009

Último luar de 2009
A natureza é sabia!