quarta-feira, 17 de agosto de 2011





AS DUAS SOMBRAS

Na encruzilhada silenciosa do destino,

Quando as estrelas se multiplicaram,

Duas sombras errantes se encontraram.


A primeira falou: "_nasci de um beijo

Da luz, sou força, vida, alma, esplendor.

Trago em mim toda a glória do desejo,

Toda a ânsia do universo...Eu sou o amor.


O mundo sinto examine a meus pés...

Sou delírio... loucura...e tu, quem és?"


"_ Eu nasci de uma lágrima. Sou flama

do teu incêndio que devora...

Vivo dos olhos tristes de quem ama,

Para os olhos nevoentos de quem chora.


Dizem que ao mundo vim, para ser boa,

Para dar do meu sangue a quem me queira,

Sou a Saudade, a tua companheira

Que punge, que consola e que perdoa. .."


Na encruzilhada silenciosa do destino,

As duas sombras comovidas se abraçaram

E de então, nunca mais se separaram.

Olegário Mariano

8 comentários:

  1. Mais que um encontro de sombras, um belo encontro de palavras!!!

    Rui

    ResponderExcluir
  2. Zélia Amiga...

    Maravilhoso Poema que expões para nossa alma a essência do amor e a compaixão da Saudade... Um belo Poema com toda sutileza da Poesia!!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Lindo! Bela escolha! Um encontro de sombras com a sutileza de sentimentos plenos.Amei.Muita luz e muito amor. Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  4. Zélia querida,
    Também para mim é um prazer passar por aqui, principalmente para ter a oportunidade de ler esse belíssimo poema.
    Uma escolha de muito bom gosto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Há que se ter o beijo e a lágrima quando se trata de sentimento...
    Lindo poema.
    Abraços, menina e um grande dia para si.

    ResponderExcluir
  6. Que linda poesia. Por que será q esse encontro tinha q acontecer? Sempre o coração fica apertado quando o ser amado não está perto de nós. Muita paz!

    ResponderExcluir
  7. Um poema que une amor e saudade de uma forma concreta. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir

Assim nasceu 2010!

Assim nasceu 2010!
A exuberancia da natureza se manifesta em toda a sua plenitude. Feliz 2010

A metamorfose

A metamorfose
Flagrante da vida que surgirá em 2010. Que cor terá? Só sei que virá para tornar minha vida mais feliz quando pousar em meu jardim. Embora sua passagem seja breve valeu a pena esperar por esse momento. Cada ser tem sua missão aqui neste planeta e a dela é de embelezar e alegrar nossas vidas.

Nós, minha filha e eu

Nós, minha filha e eu
É maravilhoso estar perto de quem se ama!

Os mais belos versos de amor que nenhum homem escreveu. Somente feitos por Deus.

Os mais belos versos de amor que nenhum homem escreveu. Somente feitos por Deus.
Está na beleza da flor a essência do que não se vê, mas apenas se sabe que existe, o inegável , o verdadeiro mistério da criaçãol.

Pra não dizer que não falei de pássaros...

Pra não dizer que não falei de pássaros...
No beiral de minha sacada um estranho fez seu ninho. Nos dias de frio ficamos nos observando: cada um na sua. Há espaço para todos, sempre cabe mais um. E ali ficamos respeitando nossos limites a nos observar mutuamente. Já me acostumei com sua presença. Seja bem-vindo, a casa é sua...

Último luar de 2009

Último luar de 2009
A natureza é sabia!